7 – PELE :

Representa uma das características rácicas mais importantes. É grossa, solta em todo o corpo, principalmente no pescoço, onde forma pronunciadas barbelas, estendendo-se, em muitos casos, pelo peito e abdômen.

Alguns exemplares apresentam uma dobra nas faces laterais da cabeça e também, na cernelha descendo até o ombro. Com o cão em repouso, a cabeça não apresenta rugas; quando excitado, na contração para erguer as orelhas, a pele do crânio forma, entre elas, pequenas rugas longitudinais.

COMENTÁRIO :

O padrão descreve muito bem como é a pele do Fila. É grossa, solta, veste todo o corpo. Todas as sobras ficam penduradas parecendo nas partes baixas, formando barbelas na garganta (pescoço), às vezes estendendo-se pelo corpo e abdômen. Alguns apresentam dobras na face, pescoço e cernelha. Assim sendo, a testa não deve apresentar rugas, não estando em atenção. Convém repetir : O Fila por ter a pele solta e pesada, seus excessos em baixo do pescoço, pela mesma razão, a comissura labial deve ser aparente. Cães com a pele solta, ao movimentar-se esta se movimenta para a frente e para trás, e lateralmente, principalmente quando a passo.

DEFEITO

Falta de pele solta  (esticado), pele fina, garganta seca (sem barbelas), testa e crânio enrugados (apresentando rugas mesmo sem o cão estar em atenção). Papada  (dobras de pele na garganta) porém transversais. Quando o certo é a barbela ser paralela.