20 – TÓRAX :

Costelas de bom arqueamento, sem todavia, influenciar a posição dos ombros, peito largo e profundo, atingindo a ponta do cotovelo. Peitorais (antepeito) bem salientes.

COMENTARIO : 

A costela deve Ter um bom arqueamento, descer em linha suave e de angulo igual ao da partida. Se a costela desce em curva mais acentuada, dá a impressão de tórax em barril. Se a costela desce em vertical, sem curva, o tórax fica longe do ombro (estreito) frente francesa. Cotovelos apontado para dentro, pés para fora. A costela com curva em demasia fica curta e não chega ao cotovelo, tórax sem profundidade.

DEFEITO :

Tórax de barril, peito estreito, cotovelo solto, frente francesa, tórax curto, peito sem profundidade.